Notícias do mercado imobiliário

SEMINÁRIOS: OPORTUNIDADES EM CONCESSÕES E PPPS

<img class="attachment-post-thumbnail" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2015/10/tome-nota22-150x150.jpg" alt="tome nota" width="150" height="150" />


<p style="text-align: justify;">                                                             A conjugação de diversos fatores negativos – entre eles a questão da governabilidade – tem restringido sobremaneira as oportunidades de negócios, bem como a margem de lucratividade. É exatamente nesse contexto que cresce a responsabilidade das empresas, bem como de seus dirigentes, de buscar alternativas com criatividade para aproveitar as “janelas de oportunidades” que a crise oferece. É com essa visão que a CBIC estruturou um programa de Seminários Regionais sobre Oportunidades em Concessões e PPPs – com o propósito de capacitar as empresas, mostrar exemplos de sucesso e principalmente levantar o “cardápio de projetos” em cada região. Em cada região, mobilizam-se técnicos, empresários e autoridades capacitadas a proferirem palestras e debates que efetivamente produzam resultados empresariais nos modelos de parcerias (Concessões, PPPs, Locação de Ativos). O “cardápio” – observa José Carlos Martins, presidente da CBIC – não se prende ao programa federal de concessões. Vai além, podendo incluir projetos das mais variadas áreas e dimensões (habitação, reuso de água, pátios veiculares, energia alternativa, presídios, hospitais, aeroportos regionais, tratamento de resíduo sólido – por exemplo). Para o sucesso desse Programa da CBIC é fundamental o engajamento das entidades do setor da construção e das empresas que elas representam. As entidades estão sendo estimuladas pela entidade a estimular as empresas, prefeitura e principalmente potenciais concessionários públicos, tais como, água e saneamento, transportes e mobilidade urbana, portos, aeroportos, rodovias, ferrovias, defesa, parques nacionais, educação, saúde etc. a participarem dos eventos, oferecendo assim novas oportunidades de negócios para elas.</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
17/11/2015

Últimas notícias