Notícias do mercado imobiliário

CENTRO-OESTE DESTACA-SE NA MOVIMENTAÇÃO AÉREA

<img class="attachment-post-thumbnail size-post-thumbnail" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-150x150.jpg" sizes="(max-width: 150px) 100vw, 150px" srcset="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-150x150.jpg 150w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-100x100.jpg 100w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-90x90.jpg 90w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-80x80.jpg 80w" alt="tome nota" width="150" height="150" />


<p style="text-align: justify;">                                                                 A Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República (SAC) divulgou nesta quinta-feira (22) a mais completa pesquisa sobre transporte aéreo já realizada no País. O levantamento “O Brasil Que Voa” ouviu mais de 150 mil passageiros em 2014, nos 65 aeroportos responsáveis por 98% da movimentação, e revelou um perfil inédito do setor. No ano passado, foram 199,3 milhões de embarques e desembarques. O ministro da SAC, Eliseu Padilha, afirmou que a expectativa é de que em 2034 o número de passageiros salte para 600 milhões por ano no País.
Do total, 45% das viagens foram realizadas na região Sudeste e 21,5% no Nordeste. A região Centro-Oeste concentrou 12% da movimentação aérea do País. Somente o Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, realizou, em média, 6,5% das operações. No Centro-Oeste, 52,3% viajam a trabalho ou estudo e 41,8% embarcam a lazer ou turismo. A pesquisa também revelou que 252 cidades brasileiras têm mercados potenciais para novos trechos aéreos. O ministro Padilha afirmou que o governo está trabalhando para licitar 100 dos 270 aeroportos regionais previstos pelo Programa de Investimentos em Logísticas (PIL).</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
27/07/2016

Últimas notícias