Notícias do mercado imobiliário

COM INFLAÇÃO EM ALTA, SAQUE NA POUPANÇA CONTINUARÁ

<img class="attachment-post-thumbnail" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2015/10/poupan%C3%A7a-150x150.jpg" alt="poupança" width="150" height="150" />


<p style="text-align: justify;">                                                              A corrida para sacar dinheiro da poupança deve continuar nos próximos meses, na opinião do presidente da Associação Brasileira de Educação Financeira (Abef), Edmilson Lyra. “Enquanto a inflação não mudar de direção, a caderneta sofrerá bastante”, reforçou. A carestia corroeu os salários, obrigando os brasileiros a tentarem balancear o orçamento com parte dos investimentos feito nos últimos anos. “É questão de necessidade”, disse. Com o cenário atual, avalia Lyra, a poupança virou um investimento ruim. “Apostar em modalidades como CDB, LCA e LCI, por exemplo, e aplicar no Tesouro Direto podem ser boas alternativas”, elencou. Retirar o dinheiro da poupança para quitar dívidas e não prejudicar o orçamento, ponderou o especialista, é melhor do que entrar no rotativo do cartão de crédito ou cair no cheque especial. Quanto mais a inflação e os juros aumentarem, como é previsto pelo mercado, ao longo de 2015, pior ficará a situação da poupança, no entender do educador financeiro Reinaldo Domingos. Ele acredita, porém, que a crise pode levar as famílias a se reeducarem financeiramente. O especialista reconhece o drama dos brasileiros. “As pessoas estão se sentindo em uma areia movediça. Já tinham dificuldades para poupar e, agora, usam o pouco que estava guardado para salvar as contas”, lamenta. “É um baque, mas que pode ajudar a tirar as famílias da zona de conforto”, comenta.</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
13/10/2015

Últimas notícias