Notícias do mercado imobiliário

CONSTRUÇÃO CIVIL FECHA 2014 COM CUSTO 6,2% MAIOR

<img class="attachment-266x266" style="text-align: justify;" title="CRESCE A EXIGÊNCIA POR INOVAÇÕES NA CONSTRUÇÃO" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2015/01/CRESCE-A-EXIG%C3%8ANCIA-POR-INOVA%C3%87%C3%95ES-NA-CONSTRU%C3%87%C3%83O.jpg" alt="CRESCE A EXIGÊNCIA POR INOVAÇÕES NA CONSTRUÇÃO" width="266" height="176" />


<p style="text-align: justify;">                                                                                   O custo para construir ou fazer reformas no Brasil ficou 6,2% mais elevado em 2014 em relação ao ano anterior. O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), medido pelo IBGE em parceria com a Caixa,  foi superior ao 0,52% de dezembro 2013. O metro quadrado da construção civil fechou o ano passado em R$ 913,32. A inflação foi puxada principalmente pelo aumento do preço da mão de obra, que ficou 7,74% mais alto e fechou 2014 a um custo de R$ 415,95. Os materiais ficaram 4,9% mais caros e fecharam o ano em R$ 497,37. Entre os Estados, a inflação foi mais alta no Espírito Santo (8,35%) e Rio de Janeiro (8,11%). O Maranhão foi o Estado com menor taxa (1,07%). Em Goiás, o índice acumulou alta de 7,43% em 2014, após subir 0,85% em dezembro. Com isso, o custo do metro quadrado no Estado ficou em R$ 961,97. No Centro-Oeste, a média ficou em R$ 986,72, pressionada pelo Distrito Federal, onde o custo do metro quadrado fechou o ano em R$ 1.024, com alta de 7,43% no ano, a maior da região. Considerando-se apenas o mês de dezembro de 2014, a inflação da construção civil ficou em 0,65% mais alta do que o 0,2% de novembro.</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
15/01/2015

Últimas notícias