Notícias do mercado imobiliário

ESTADO JÁ SUSPENDE O PAGAMENTO DE EMPENHOS

<img class="attachment-post-thumbnail size-post-thumbnail" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-150x150.jpg" sizes="(max-width: 150px) 100vw, 150px" srcset="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-150x150.jpg 150w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-100x100.jpg 100w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-90x90.jpg 90w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/05/tome-nota-80x80.jpg 80w" alt="tome nota" width="150" height="150" />


<p style="text-align: justify;">                                                                         O governador Marconi Perillo antecipou na semana passada o decreto que suspende o pagamento de empenhos (despesas já autorizadas, mas não realizadas) e dos desembolsos financeiros (que autorizam os empenhos) já liberados do Estado. Esta medida, geralmente adotada pelo governo no final de novembro ou início de dezembro, estava prevista para outubro. O objetivo é a contenção de despesas e o fechamento das contas públicas deste ano do Estado. As exceções ao decreto são os repasses constitucionais para as áreas de educação, saúde, segurança pública, cultura, ciência e tecnologia, além de folha salarial, pagamento da dívida e gastos essenciais para manutenção da máquina pública (água, energia, telefonia, alimentação, aluguéis, etc). A manutenção de rodovias estaduais também foi poupada do decreto. Caberá à Controladoria Geral do Estado fiscalizar a suspensão dos empenhos em cada setor do governo. A área ganhou poder para cobrar e responsabilizar despesas autorizadas sem justificativa.</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
17/06/2016

Últimas notícias