Notícias do mercado imobiliário

ESTÁGIO ABRE PORTAS E QUALIFICA PARA MERCADO

<img class="attachment-post-thumbnail" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2015/10/tome-nota22-150x150.jpg" alt="tome nota" width="150" height="150" />


<p style="text-align: justify;">                                                                                        Procurando incentivar e capacitar novos talentos, a EBM Desenvolvimento Imobiliário criou o programa Start para seus estagiários. O projeto visa a proporcionar aos iniciantes a chance de trabalhar em empreendimentos que estejam em diferentes etapas e de integrar iniciativas dentro da empresa, participando de projetos e pensando em maneiras inovadoras de resolver problemas enfrentados em cada área. O programa já conquistou o 1º lugar na categoria Empresa de Grande Porte do Prêmio IEL de Estágio em Goiás e ficou em 2º lugar no Prêmio Nacional de Melhores Práticas de Estágio do IEL, perdendo apenas para um projeto da Petrobras no ano passado. A analista de recursos humanos da EBM e responsável pelo programa, Aline Bailão, explica que o Start foi desenvolvido com o intuito de formar profissionais cada vez mais preparados para o mercado de trabalho, procurando desenvolver e reter grandes talentos para a empresa. “A cada seis meses os estagiários são transferidos para novos departamentos dentro da empresa, podendo aprender sobre as diversas áreas da engenharia civil, por exemplo, conhecendo empreendimentos em diferentes estágios e se tornando profissionais cada vez mais completos. Quando a incorporadora inicia algum projeto novo, todos são convidados a participar e a contribuir”, explica Aline. Foi dessa forma que o atual gerente de engenharia da EBM, José Antonio Peixoto, adquiriu uma visão sistêmica da empresa e até mesmo da profissão. “O fato de ter passado por diversas áreas me ajudou muito”, conta. José Antonio começou como estagiário há 15 anos na EBM. Foi efetivado como engenheiro, coordenador e depois gerente, cargo que ocupa há sete anos. A proatividade durante seu estágio contribuiu para essa ascensão, visto que, enquanto estagiava na área de investigação de custos, o engenheiro notou uma questão de parâmetros errados e propôs mudança à empresa, que corrigiu a distorção, gerando maior confiabilidade nos dados para tomada de decisões. Para selecionar os candidatos que mais se aproximam do perfil da empresa, são realizadas dinâmicas, entrevistas e testes aplicados pela área de Recursos Humanos, que realiza uma triagem dos estudantes. Em seguida, o comitê do programa Start, integrado por gerentes de diversas áreas, selecionam os estagiários e definem o resultado dos que já fazem parte do programa. Os estagiários são avaliados a cada três meses, quando recebem um feedback dos seus gestores em relação ao seu desempenho na empresa. “Quando abrimos alguma vaga para contratação, os melhores estagiários têm prioridade para assumir esse cargo, pois já estão sendo desenvolvidos na empresa”, comenta Aline Bailão.</p>
<p style="text-align: justify;"></p>
<p style="text-align: justify;"></p>
<p style="text-align: justify;"></p>
<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
19/11/2015

Últimas notícias