Notícias do mercado imobiliário

NOVA EQUIPE ECONÔMICA NÃO ENTUSIASMA EM GOIÁS

<p><img class="attachment-266x266" style="text-align: justify;" title="tome nota" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2014/12/tome-nota3.jpg" alt="tome nota" width="266" height="177" /></p>
<p></p>
<p style="text-align: justify;">                                                                                  A presidente Dilma Rousseff escalou ontem (27) um time para a área econômica do governo alinhado com o mercado, que também ganhou simpatia de empresários e produtores rurais em Goiás. Mas o anúncio de Joaquim Levy, na Fazenda, Nelson Barbosa, no Planejamento, e Alexandre Tombini, mantido no Banco Central, não empolgou empresários e produtores goianos. A nova equipe econômica promete transparência e ajuste gradual. Superávit será de 1,2% do PIB em 2015 e de ao menos 2% em 2016 e 2017, afirmou o novo ministro da Fazenda. Disse ainda que o governo vai cortar o repasse aos bancos estatais. No Planejamento, Nelson Barbosa avisou que vai adequar o Orçamento. E Alexandre Tombini falou em redução da inflação. Ajustes na política econômica reforçam previsão de 2015 difícil. Chegada de Levy e Barbosa indica alta de juros e de impostos e corte de subsídios. O governador Marconi Perillo fez hoje de manhã, dia 21, um comentário sobre a nova equipe econômica do governo da presidente Dilma Rousseff, dizendo ver com otimismo as escolhas. Também estou feliz pelas indicações para Agricultura e Indústria, disse, ressaltando que os dois indicados são profundos conhecedores dos setores em que vão atuar. O governador revelou ter ligado para cumprimentar os senadores Kátia Abreu, que é goiana e irá comandar a pasta da Agricultura, e Armando Monteiro, seu conhecido desde que era senador,  e que será ministro de Indústria e Comércio.</p>
<p></p>
<p></p>
<p></p>
<p><strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong></p>
16/12/2014

Últimas notícias