Notícias do mercado imobiliário

RETRAÇÃO NO COMÉRCIO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

<img class="attachment-post-thumbnail size-post-thumbnail" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/07/Materiais-para-Constru%C3%A7%C3%A3o-150x150.jpg" sizes="(max-width: 150px) 100vw, 150px" srcset="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/07/Materiais-para-Construção-150x150.jpg 150w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/07/Materiais-para-Construção-100x100.jpg 100w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/07/Materiais-para-Construção-90x90.jpg 90w, http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2016/07/Materiais-para-Construção-80x80.jpg 80w" alt="Materiais para Construção" width="150" height="150" />


<p style="text-align: justify;">                                                                   O varejo de materiais para construção registrou, em julho, uma queda acumulada no ano de 6,7% em todo o País, segundo dados da associação do setor, a Abramat. A previsão é que, até dezembro, as vendas para o varejo e as construtoras caiam 10%. O impacto é sentido antes pelas empresas de materiais básicos, como cimento e tijolos, mas, se o desemprego continuar crescendo, o cenário será preocupante para as marcas de acabamento. Em alguns ramos da indústria de construção, como de cerâmicas, houve reação ao câmbio favorável ao exportador, daí o conceito da Abramat de pôr foco nas vendas para a América do Norte.</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
01/07/2016

Últimas notícias