Notícias do mercado imobiliário

SP: NOVO TRATAMENTO PARA OS RESÍDUOS SÓLIDOS

<img class="attachment-266x266" style="text-align: justify;" title="tome nota" src="http://evoimoveis.com.br/wp-content/uploads/2015/01/tome-nota17.jpg" alt="tome nota" width="266" height="177" />


<p style="text-align: justify;">                                                                             Entrou em operação em São Paulo na última sexta-feira o Sigor (Sistema Estadual de Gerenciamento Online de Resíduos Sólidos) - Módulo Construção Civil. A iniciativa pioneira é resultado do convênio do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Cetesb, com o Sinduscon-SP. Instituído por decreto do governador Geraldo Alckmin, ao longo de 2015 o sistema será implantado nas cidades das regionais do Sinduscon-SP em Santos (onde já opera um sistema piloto), Campinas, Sorocaba, São José do Rio Preto, Presidente Prudente, Bauru, São José dos Campos, Ribeirão Preto e Santo André. O Sigor – Módulo Construção Civil é uma plataforma eletrônica que permitirá a elaboração dos Planos de Gerenciamento de Resíduos (PGR) por parte dos geradores e a emissão dos documentos que acompanham os resíduos transportados denominados Controle de Transporte de Resíduos (CTR). As Áreas de Destino que receberem os resíduos deverão confirmar o recebimento dando baixa nos CTRs. A ferramenta auxiliará o gerenciamento das informações referentes aos fluxos de resíduos da construção civil no Estado de São Paulo, desde sua geração até sua destinação final, incluindo o transporte e destinações intermediárias. O sistema envolve, além dos órgãos estaduais, os municípios, os geradores, os transportadores e as áreas de destino de resíduos. A ideia é que o Sigor propicie agilidade e desburocratização de procedimentos administrativos da Cetesb e das Prefeituras e a emissão de relatórios, entre eles o Sistema Declaratório Anual, uma das exigências da Política Nacional e da Política Estadual de Resíduos Sólidos.</p>






<strong>Fonte: www.ademigo.com.br</strong>
06/01/2015

Últimas notícias